Um pouco sobre mim...

Minha foto
Curitiba, Paraná, Brazil
Professora de Educação Física formada pela Universidade Federal do Paraná em 2002, trabalho como Personal Trainer há 10 anos. Apaixonada pelos esportes gosto de estar sempre em contato com a natureza buscando o equilibrio entre o bem estar físico e mental. CONTATO: anapgavleta@yahoo.com.br

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

COMO PERDER PESO E FICAR COM O CORPO BONITO (sem milagres)

Aos amigos que lerem esse post não levem para o lado pessoal, porque muiiiitas pessoas me perguntaram sobre perda de peso nas ultimas semanas (verão chegando né..)

Ultimamente várias pessoas vem me perguntando como perder peso , tentando descobrir o que estão fazendo de errado.. mas a medida que a conversa evolui a resposta fica muito clara .. as pessoas não perdem peso por causa da NEGAÇÃO!! Todos sabem que tem hábitos errados mas a maioria sempre tem suas JUSTIFICATIVAS. Eu acredito do fundo do coração nas justificativas de cada um, mas falando sério, o seu maior compromisso não é comigo, mas com você mesmo..
Vou ser dura com vocês, vai doer, mas alguém precisa falar a VERDADE!!

  • SEU PESO É A DIFERENÇA ENTRE O QUE VOCÊ DEPOSITA E O QUE VOCÊ GASTA, SIMPLES ASSIM!!  - Pare de pensar que há algo errado com o seu metabolismo, com a sua genética, com a retenção de líquidos, com o tamanho dos seus ossos...São raros os casos em que a pessoa realmente tem algum problema, talvez se você anotar tudo que come em uma semana acabe descobrindo porque se seu peso não baixa, se você come certo  não tem como engordar, afinal se você não depositar o saldo não aumenta não é! Você pode dizer aos outros que não come "quase nada" , mas seja sincero com você mesmo em primeiro lugar, calorias não entram no seu corpo senão pela boca!
  • A VIDA DOS OUTROS NÃO É MAIS FÁCIL QUE A SUA!! - Eu ouço muito as pessoas falarem "mas ela tem uma genética boa" " passando horas na academia todos dias até eu".. Se você pudesse viver por uma semana a vida de muitas pessoas que estão com o corpo bonito saberia que não é tão  fácil assim : ter corpo bonito exige controle alimentar, resistir a tentações,  treino forte e suado, dor, cansaço, abdicação e muita força de vontade, afinal será mesmo que você enfrentaria toda essa rotina?  Admita suas escolhas e viva com as consequências, tudo o que você fizer por você mesmo terá retorno!
  • NÃO ESPERE "SER" EMAGRECIDO, E SIM EMAGREÇA! - Não tem cápsula, pílula, academia, personal trainer, pó mágico que te "MANTENHA" magro, afinal mais difícil que  emagrecer é manter o peso, não é? Até depois de uma  lipo você engorda de novo se não se cuidar. Permanecer magro exige mudança dos seus hábitos, afinal se você fizer exercícios até chegar no peso desejado e depois parar, provavelmente irá recuperar. Exercícios e educação alimentar tem que fazer parte da sua vida a  longo prazo, você está realmente disposto?
  • VALORIZE CADA QUILO PERDIDO, - afinal se esse ano você tivesse eliminado 1 kg por mês já estaria com 11 kg a menos não é? O problema é que quem faz "dieta" e "exercício para emagrecer" quer perder muito, tudo de uma vez. No fim das contas você se sente frustado, volta para a velha rotina e acaba desistindo.. eu sei que é difícil mas tenha paciência e determinação!
  • VOCÊ TEM TEMPO SIM  - se você está lendo tudo isso é porque provavelmente está sentado na frente do computador, então saia já daí a vá malhar!! Brincadeiras à parte, mas repense seu tempo. Em matéria de exercício físico eu sempre digo que "qualquer coisa é melhor que nada", então faça os cálculos, se você acorda em média as 8 da manhã e vai dormir as 22:00, você tem 98 horas por semana para se exercitar, será que não consegue mesmo umas 3 horinhas?  E olhe que sobram ainda  95 horas!! E se for 30 min  3 x por semana (melhor que nada)!
  • PARE DE PRORROGAR- não deixe para segunda feira, ou para a virada do ano, ou depois daquela festa da semana que vem, comece a mudar os hábitos agora!! Por que amanhã? Afinal se você começar agora  já começa 2013 com uns quilinhos a menos, já pensou!!
  • NÃO SEJA PIEDOSO COM VOCÊ MESMO! A maior desculpa para as pessoas saírem da dieta e faltarem academia é a auto-piedade.." - Mas hoje eu tive um dia tão difícil  - mas hoje estou tão estressado - mas hoje tive uma discussão - mas hoje estou triste- ... EU MEREÇO uma compensação. Isso com certeza não irá resolver seus problemas, e lembre-se, quando tudo estiver ruim na sua vida continue cuidando de você, pois se olhar no espelho e gostar de você mesmo será muito bom! Em um dia ruim, cansativo,  faça exercícios leves, saia para fazer uma corrida, caminhada,   libera endorfinas  e te fazer bem!
  • PARE DE CULPAR OS OUTROS- muita gente diz que queria perder peso mas não é fácil porque o marido pede pizza, o filho come chocolate, a mãe faz frituras, o amigo chama para beber.. Não esqueça de que não podemos mudar os outros, mas podemos mudar a nós mesmos, e quem sabe sua determinação em se cuidar não acabe contagiando os outros e traga a mudança geral que você espera!
Amigos, isso tudo na verdade se resume a um "só depende de você" ! Tenho certeza que todos já sabiam tudo o que falei, mas não custa nada reforçar né...


segunda-feira, 23 de julho de 2012

SEDENTARISMO CAUSA TANTAS MORTES QUANTO TABAGISMO

Reportagem da Veja Saude:
Segundo pesquisadores, falta de atividade física já pode ser considerada uma pandemia mundial
homem sentado
Preso à cadeira: hábito contribui para o sedentarismo, que atinge um em cada três adultos no mundo (Thinkstock)
O sedentarismo pode ser tão letal quanto o tabagismo. Segundo um estudo publicado nesta quarta-feira na revista médica The Lancet, a falta de atividade física foi responsável por 5,3 milhões das 57 milhões de mortes registradas no mundo em 2008. O cigarro, por sua vez, leva cerca de cinco milhões de indivíduos a óbito todos os anos, apontam os pesquisadores.
Tais números, de acordo com o relatório, fazem com que o sedentarismo possa ser classificado como uma pandemia. Esse trabalho faz parte de uma série de artigos que o periódico vem divulgando sobre exercícios físicos, aproveitando a proximidade da Olimpíada de 2012, que começa na próxima semana em Londres.
A pesquisa considerou inatividade física como a prática de menos do que 150 minutos de atividade física moderada (caminhada rápida, por exemplo) ou menos do que 60 minutos de exercícios intensos (como corrida) por semana. Segundo os dados, esse quadro atinge um terço da população mundial adulta (maior do que 15 anos), e é ainda mais prevalente entre os adolescentes: quatro em cinco jovens de 13 a 15 anos não atingem os níveis mínimos de atividade física. O sedentarismo se torna mais comum conforme as pessoas ficam mais velhas e atinge mais mulheres do que homens e pessoas de países risco.
Esse estudo foi desenvolvido por uma equipe de pesquisadores das universidades de Harvard e da Carolina do Sul, ambas nos Estados Unidos, do Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC, sigla em inglês), órgão de saúde americano, e do Instituto Nacional para Saúde e Bem-Estar da Finlândia. Para os autores, um dos grandes responsáveis pela inatividade física no mundo são os meios de transportes motorizados, que acabam aumentando o número de horas em que um indivíduo permanece sentado durante o dia.
No artigo, eles reforçam a importância de as autoridades dos países promoverem a atividade física entre a população, ampliarem o acesso das pessoas a espaços públicos onde elas possam exercitar-se e garantirem a segurança de pedestres e ciclistas. Segundo estimativas dos pesquisadores, aumentar os níveis de atividade física entre a população mundial em 10% poderia evitar mais de 500.000 mortes em todo o mundo ao ano.
Fator de risco — De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a inatividade física é o quarto maior fator de risco para doenças crônicas, ficando atrás somente da hipertensão, do tabagismo e do colesterol alto. A pesquisa publicada na revista The Lancet mostrou que o sedentarismo causa 6% dos casos de doença cardíaca coronariana, 7% de diabetes tipo 2 e 10% dos casos de cânceres de mama e cólon

terça-feira, 10 de julho de 2012

Pesquisa diz que falta de Atividade Física mensura melhor a mortalidade do que Obesidade e Hipertensão.

Um estudo publicado há aulgimas semanas na revista The Lancet mostra que além dos objetivos estéticos, fazer exercicio é essencial para a saúde.  Essas são as conclusões de um estudo feito por um time de pesquisadores de universidades dos Estados Unidos, Canadá, Austrália e Noruega, que buscaram mensurar a influência do esporte sobre a saúde da população mundial.
Segundo os autores do estudo,  as pessoas que praticam atividade física tem melhor  saúde física e mental . A pesquisa acredita que o indice de mortaidade de um país  irá diminuir se os médicos e outros profissionais de saúde passarem a aconselhar o hábito  de praticar atividade física e recomendá-lo como parte do tratamento  aos pacientes. É o mesmo que ocorreu quando os médicos começaram a indicar o fim do tabagismo a pacientes com determinadas doenças o que, segundo o artigo, reduziu as taxas de fumantes em muitos países.
No artigo, a equipe cita alguns estudos recentes que respaldam essas conclusões. Uma pesquisa feita em 2010, por exemplo, mostrou que pessoas sedentárias que passaram a jogar futebol de duas a três vezes por semana demonstraram significativa redução do risco de doenças cardiovasculares, diabetes e osteoporose. Além disso, segundo os pesquisadores, outros trabalhos indicaram que comprometer-se com algum esporte melhora a percepção e o conhecimento das pessoas em relação à saúde. “A evidência de que a atividade física é a principal e mais eficaz abordagem de saúde pública para a prevenção de doenças, além de uma potencial abordagem de tratamento, aumentou significativamente nos últimos anos. Nós acreditamos que pequenas mudanças nas políticas e iniciativas dos países para aumentar os níveis de exercício físico entre a população são necessárias e suficientes para melhorar a saúde", concluíram os autores

sábado, 12 de maio de 2012

EXERCÍCIOS FUNCIONAIS, O QUE SÃO?

Em cada movimento que corpo humano produz  vários músculos estão envolvidos e cada um deles realiza uma função diferente, sendo que nosso sistema nervoso central fica responsável por ativar esses musculos e  organizar esses movimentos.
Vários sinais são enviados a cada movimento, envolvendo pele, articulações, músculos...

A partir dessa lógica foi criado  o Treinamento Funcional, que tem como princípio preparar o organismo de maneira global, como um todo: de forma segura e eficiente partindo do centro corporal.

O objetivo principal dos exercícios é  a utilização dos padrões fundamentais do movimento humano ( como empurrar, puxar, agachar, girar, lançar, dentre outros ), envolvendo a integração do corpo todo.

Essa visão abrangente permite que o Treinamento Funcional atinja o objetivo de gerar um grande fortalecimento muscular sem esqueçer de nossa consciência corporal e equilibrio, geralmente esquecidos pelos treinamentos convencionais. Em muitos exercícios a única carga utilizada é o próprio peso corporal. Um exemplo de exercícios funcionais são a flexão de braço e a barra fixa.

A vantagem é que esse tipo de treinamento traz grandes benefícios  para o  praticante, seja ele  um atleta, um indivíduo fisicamente ativo ou uma pessoa sedentária que deseja ingressar na atividade física.

Além do próprio peso corporal podemos utilizar cabos, elásticos, pesos livres, base de suporte instável e reduzida, medicine balls, bolas suíças.

São  exercícios são bastante motivantes e desafiadores e quem segue esse método, acompanhado de um instrutor capacitado  tem a possibilidade de alcançar a funcionalidade corporal natural de seu organismo, além de “gerar” um corpo saudável e bem condicionado.

O treinamento funcional é excelente  para quebrar a rotina da academia e dos aparelhos de musculação.

Veja alguns dos muitos benefícios do método:
  • Desenvolvimento da consciência e controle corporal;
  • Melhoria da postura;
  • Melhoria do equilíbrio muscular;
  • Diminuição da incidência de lesão;
  • Melhora do desempenho atlético;
  • Estabilidade articular, principalmente da coluna vertebral;
  • Aumento da eficiência dos movimentos;
  • Melhora da força, coordenação motora;
  • Melhora da resistência central ( cardiovascular ) e periférica ( muscular );
  • Melhora da lateralidade corporal;
  • Melhora da flexibilidade


terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

CROSS TRAINING: DIVERSÃO COM ALTO GASTO CALÓRICO COM MUITO CONDICIONAMENTO FÍSICO.

Os exercicios de cross training tem como objetivo  trazer todos os benefícios físicos, melhorando seus "fitness" isto é : ajudar a ser capaz de executar bem diferentes movimentos e diferentes tarefas que envolvem nosso dia-a-dia.

O cross training é baseado no conceito de que durante o treino devemos  usar exercícios e atividades variadas: a rotina é o inimigo e negligencia as áreas chave do desenvolvimento, além de ser extremamente desmotivante. O mais comum é usar exercícios funcionais intercalados com exercícios aeróbicos de alta intensidade e curta duração. Os Exercicios Funcionais  imitam nosso dia-a-dia e nos fortalecem para atividades corriqueiras como levantar do chão, sentar e levantar, puxar e empurrar, muitos deles usando como resistencia o peso do seu proprio corpo. Pode-se usar um grande variedade de exercícios como arremessar, empurrar, arrancos, agachamentos , barras, flexão de braço,  corrida, exercicios isométricos.
Esse tipo de treino é ideal para aqueles que se cansam rapidamente de uma mesma rotina de treino e gostam de desafiar seu corpo!!  Além de proporcionar um alto gasto calórico, ajudando muito no emagrecimento esse treino ainda mantem o corpo forte e definido, e quem não quer isso?

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

REFRIGERANTES AUMENTAM O ACUMULO DE GORDURA CORPORAL

reportagem da revista Veja fala sobre os efeitos do refrigerante no acumulo de gordura corporal:

Os efeitos negativos do consumo de refrigerantes comuns, com açúcar, vão além do ganho de peso e de gordura. Um estudo feito no Hospital Universitário de Aarhus, na Dinamarca, concluiu que quem consome pelo menos um litro desse tipo de bebida todos os dias acumula maior quantidade de gordura em lugares perigosos, como no fígado, nos músculos e em órgãos localizados no abdome. E, consequentemente, corre maior risco de desenvolver diabetes e doenças cardíacas. A pesquisa foi publicada no periódico American Journal of Clinical Nutrition.

CONHEÇA A PESQUISA
Título: Sucrose-sweetened beverages increase fat storage in the liver, muscle, and visceral fat depot: a 6-mo randomized intervention study

Onde foi divulgada: periódico American Journal of Clinical Nutrition

Quem fez: Maria Maersk, Anita Belza, Hans Stødkilde-Jørgensen, Steffen Ringgaard, Elizaveta Chabanova, Henrik Thomsen, Steen B Pedersen, Arne Astrup, and Bjørn Richelsen

Instituição: Hospital Universitário de Aarhus, Dinamarca

Dados de amostragem: 47 pessos obesas ou com sobrepeso

Resultado: Pessoas que consumiram diariamente, por seis meses, um litro de refrigerante açucarado aumentaram em 25% a gordura em torno dos órgãos e dobraram a gordura acumulada no fígado e nos músculos.
Os pesquisadores acompanharam 47 pessoas que beberam todos os dias, durante seis meses, um litro da bebida de sua escolha: água, leite, refrigerante normal ou refrigerante diet. Todos os participantes escolhidos eram obesos ou tinham sobrepeso, já que, segundo os pesquisadores, pessoas com esse perfil são mais sensíveis a mudanças de dieta do que aquelas que têm peso normal.
Após os seis meses, os participantes que consumiram refrigerante normal foram os que mais acumularam gordura. Ao final do estudo, eles tinham 25% a mais de gordura em torno dos órgãos e cerca de duas vezes mais gordura acumulada no fígado e nos músculos do que quando a pesquisa começou.
A gordura acumulada em regiões onde não deveriam, como no fígado, por exemplo, é chamada de gordura ectópica. Segundo um dos autores do estudo, Bjorn Richelsen, essa gordura é mais perigosa para a saúde de uma pessoa do que a gordura subcutânea, que é aquela que fica sob a pele. A gordura ectópica induz a uma disfunção dos órgãos e pode representar um fator de risco para problemas como diabetes, doenças cardíacas, derrames e problemas no fígado.
De acordo com os pesquisadores, esse estudo fornece informações importantes que podem apoiar recomendações para redução do consumo de bebidas açucaradas.